Acupuntura Alivia a Dor Ciática, Reduz a Inflamação e Regenera a Lesão No Nervo


A acupuntura e as ervas aliviam a dor ciática, uma condição caracterizada pela dor lombar que se irradia pelos quadris, nádegas e pernas. Pesquisadores do Hospital Rizhao da MTC (Medicina Tradicional Chinesa) e da Universidade de Xangai de MTC investigaram a eficácia da acupuntura para o alívio da dor ciática. Tanto a acupuntura quanto a acupuntura mais fitoterapia, foram eficazes e produziram resultados positivos significativos para os pacientes. Além disso, os pesquisadores documentam que a acupuntura e as ervas estimulam importantes mudanças bioquímicas que causam a redução da dor.

A acupuntura como terapia autônoma teve uma taxa efetiva total de 81,6% para o alívio da dor devido ao ciático e restauração da função normal. Acupuntura combinada com fitoterapia alcançou uma taxa efetiva total de 95%. Como resultado, os pesquisadores concluíram que a abordagem de terapia combinada é mais eficaz do que usar apenas a acupuntura como uma terapia independente para o tratamento da ciática.

Han et al. notou que a acupuntura aumenta o β-EP sérico, o que reduz a transmissão dos sinais de dor nos nervos. A dor ciática também é caracterizada por níveis aumentados de IL-1, IL-6 e TNF-α. Hand et al. Observe que a acupuntura regula com sucesso esses compostos bioquímicos, contribuindo assim para a redução da dor e da inflamação. A pesquisa de Li et al. do Rizhao Hospital of TCM e da Shanghai University of TCM confirmam os achados da capacidade da acupuntura de regular β-EP, IL-1, IL-6 e TNF-α. Li et al. observou que tanto a acupuntura quanto a acupuntura mais de ervas, regulam a expressão bioquímica relacionada à dor ciática, mas a terapia combinada de acupuntura mais ervas supera a terapia de acupuntura independente.

O Oswestry Disability Index (ODI), o escore da Associação Ortopédica Japonesa (JOA) e a Escala Visual Analógica (EVA) foram usados ​​para medir mudanças nos níveis de dor, funções de atividade diária, levantamento, andar, sentar, ficar em pé, dormir, socialização, viajar e outros aspectos da vida afetados pela dor ciática. As medições foram realizadas antes da terapia e 3, 10 e 22 dias após a conclusão dos protocolos de acupuntura e fitoterapia.

Os pontos de acupuntura primários utilizados na prescrição do ponto de acupuntura semi-protocolizado foram:

  • Zhibian, BL54

  • Chengfu, BL36

  • Huantiao, GB30

  • Fengshi, GB31

  • Weizhong, BL40

  • Dachangshu, BL25

  • Chengshan, BL57

  • Yaoyangguan, DU3

  • Ashi

Pontos adicionais de acupuntura foram adicionados para diagnósticos diferenciais específicos:

  • Para a estagnação do qi e a estagnação do sangue, Xuehai (SP10) e Taichong (LV3) foram adicionados.

  • Para deficiência de fígado e rim, Shenshu (BL23) e Taixi (KD3) foram adicionados.

  • Para estase fria e úmida, Yanglingquan (GB34) foi adicionado.

Suaves técnicas de reforço e redução de acupuntura manual foram aplicadas com agulhas de acupuntura de 0,30 x 40 mm. A estimulação foi aplicada até que o deqi fosse evocado em cada acuponto. O tempo total de retenção da agulha para cada sessão de acupuntura foi de 15 a 30 minutos.

A fórmula fitoterápica Tong Bi Zhi Tong Tang foi ingerida por via oral. Os principais ingredientes são:

  • Du Zhong, Eucommia ulmoides 15 g

  • Sang Ji Sheng, Chinese taxillus 15 g

  • Gou Ji, Rhizoma cibotii 15 g

  • Gui Zhi, Cassia 10 g

  • Hong Hua, Safflower 6 g

  • Dang Gui, Angelica 10 g

  • Chuan Xiong 15 g

  • Niu Xi, Cyathula officinalis 15 g

  • Wei Ling Xian, Clematis 15 g

  • Sheng Ma, Bugbane 10 g

  • Bai Zhi, Angelica dahurica 10 g

  • Tian Nan Xing, Rhizoma arisaematis 10 g

  • Zhi Gan Cao, Honey-fried licorice root 6 g

Ervas adicionais foram adicionadas com base em diagnósticos diferenciais:

  • Para estase fria e úmida, adicionaram-se 15 g de Chuan Wu (Radix aconiti preparata) e 3 g de Xi Xin (Asarum sieboldii).

  • Para a estase do qi e do sangue, adicionaram-se Ru Xiang (Boswellia carterii) 10 g e Mo Yao (Myrrh) 10 g.

  • Para deficiência de qi, Huang Qi (Astragalus) 30 g foi adicionado.

  • Para deficiência de fígado e rim, adicionou-se 20 g de Shu Di Huang (Rehmannia glutinosa) e 10 g de Shan Zhu Yu (Cornel).

Os resultados dos testes clínicos e objetivos indicam reduções significativas na dor, aumento da funcionalidade e reduções nas respostas inflamatórias para pacientes com dor ciática. A acupuntura manual, por si só, alcançou uma taxa efetiva total de 81,6% e, quando combinada com ervas, alcançou uma taxa efetiva total de 95%.

Em um estudo relacionado, Hoang et al. considerou a eletroacupuntura eficaz para a regeneração do nervo ciático. Em um experimento de laboratório, a eletroacupuntura restaurou as funções motoras e aumentou as taxas de recuperação dos nervos ciáticos lesados. Os resultados demonstram que a eletroacupuntura estimula a recuperação da “dor neuropática que se desenvolve após uma lesão nervosa”.

Hoang et al. observou que a eletroacupuntura promove a regeneração das fibras nervosas sensorial e motora, encurtando a duração dos tempos de recuperação após as lesões nervosas. Os pesquisadores concluíram que “a eletro-acupuntura parece ser um método valioso para acelerar a recuperação motora e aliviar os sintomas da dor neuropática que ocorrem após a compressão nervosa”. Esses achados são consistentes com os de Li et al. resultados manuais de acupuntura.

Referências:

Li, L., Li, N. J., Xin, D. M. & Zhao, L. (2014). Tongbi Zhitong Decotion Combined with Acupuncture Treatment on 60 Patients with Sciatica of Nerve Roots. Chinese Journal of Experimental Traditional Medical Formulae. 20(20).

Han, C., Sun, Z. R. & Yue, J. H. (2014). Efficacy of Acupuncture Treatment on Nerve Root Sciatica. Liaoning Journal of Traditional Chinese Medicine. 41(2): 324.

Hoang et al. BMC Complementary and Alternative Medicine 2012, 12:14. Electro-acupuncture on functional peripheral nerve regeneration in mice: a behavioural study. Ngoc Son Hoang, Chamroeun Sar1 Jean Valmier, Victor Sieso, and Frédérique Scamps.

Source: https://www.healthcmi.com/Acupuncture-Continuing-Education-News/1535-acupuncture-relieves-sciatica-reduces-inflammation

#Acupuntura #DorCronica #Saude #BemEstar #DoresCronicas #LesaoNoNervo #DorCiatica #Ciatalgia #Lombalgia #Dorlombar #Lombociatalgia #Analgesico #Analgesia #Inflamacao #DorNosQuadris #DorNasPernas #DorNeuropatica


Leia também:

Acupuntura Supera Drogas para Dor no Joelho e Inflamação

Acupuntura É Eficaz Para Artrite do Joelho

Benefícios da Acupuntura no Pós-operatório De Cirurgia no Joelho

É Oficial: Acupuntura para Dor nas Costas é Aprovada pelos Médicos

Sucesso da Acupuntura para Artrite Reumatoide

Acupuntura Acalma a Dor da Artrite e Aumenta a Mobilidade

Acupuntura Alivia a Dor Ciática, Reduz a Inflamação e Regenera a Lesão No Nervo

Acupuntura Alivia Hérnia de Disco e Supera Medicamentos

Acupuntura Alivia a Dor Lombar e a Inflamação Devido à Hérnia de Disco

Acupuntura Alivia Dores nas Costas Devido Às Hérnias de Disco

Acupuntura Acalma Ataque de Gota

Acupuntura é eficaz no tratamento de dores crônicas, confirma pesquisa

Menos dor, melhor rendimento: acupuntura conquista atletas

Acupuntura para Dor no Tendão de Aquiles, Joelho, Dor Lombar e no Tornozelo - Medicina Esportiva

Acupuntura Alivia a Dor da Gravidez

Acupuntura Sob o Ponto de Vista Científico

Em Meio a Crise de Opióides, Oficiais dos Estados Unidos se Voltam Para a Acupuntura

8 Formas comprovadas para gerenciar dor crônica sem medicação inclusive acupuntura

Rua José Soares Sebastião, 74 - Jardim Marajoara

04671-200 Zona Sul de São Paulo SP

11 94147-3803

 

 

                                11 5523-7350  

  • Facebook App Icon
Whatsapp Acupuntura Dra Tamara +5511941473803